Slider

Adeus 2013. Bem-vindo 2014!

31 de dezembro de 2013

Acabou mesmo, não é? Mais um ano se foi, voando (tenho a impressão que esses últimos 3 anos passaram assim, sei lá porquê). Não sei se posso dizer que para mim foi um ano maravilhoso, mas foi um ano muito bom, por vários motivos.
Fiquei sem realizar algumas coisinhas que queria, mas não me chatearei por causa disso. Sempre vai haver oportunidades para mais conquistas. Então eu espero que em 2014 eu consiga fazer mais, realizar mais e continuar sendo feliz, como estou desde 2010 (quando conheci meu amor ).

Have yourself a merry litlle Christmas

24 de dezembro de 2013

Nunca sei o que falar sobre o Natal que já não seja cliché. Dizer que é minha época do ano favorita, também; acho que de muita gente é, né? ^^
O Natal tem uma magia, alguma coisa que não sei explicar que me faz acreditar que tudo pode ser belo e bom. Mesmo que durante o ano isso me mostre o contrário, eu vou sempre ter aquela esperança enorme de que tudo pode melhorar. Acho que é esse mesmo o objetivo do Natal: nos dar luz e esperança de que o mundo pode ser melhor. E eu adoro isso. 
As músicas que escuto sobre, me fazem entrar ainda mais nesse clima, é por isso que eu escolhi essa que dá título ao post: 


Quero que vocês também sintam que o Natal é essa época mágica e iluminada que nos traz apenas coisas boas, sentimentos de amizade e amor. Ter um pouco mais de fé faz bem para o nosso ser. :)

Tenham uma véspera linda e um dia de Natal maravilhoso!



Bons Sonhos e FELIZ NATAL!!!

Music to monday #14

25 de novembro de 2013

Dias que antecedem meu aniversário eu fico até animada. A mera lembrança de que meu dia está chegando é uma ideia legal, mas quando chega o dia eu fico meio deprimida, por diversos motivos, que não valem muito a pena colocar aqui. Só o que eu digo, é que dá vontade de ficar no cantinho ouvindo música e relembrando os anos anteriores - ou sendo nostálgica e lembrando da melhor época da minha vida: a infância.

Mas enfim, eu acordei e o dia estava nublado, mas sem chuva, e acabei me lembrando de uma dupla da qual as músicas são gostosas de ouvir com esse clima. Kings of Convenience é folk com inspiração na bossa nova, perfeita para dias calmos e cinzentinhos assim. Aí eu escolhi a minha música favorita deles: Me in You. A letra é um amorzinho, assim como o clipe, mostrando a cidade de Bergen, Noruega (de onde eles são).

Apreciem essa música. Ela é, também, uma ótima companhia enquanto se lê.


But oooooooooh
There's a little bit of me inside you
Gathering what you've lost
But oooooooooh
There's a little bit of you in everone
Can never keep a secret


p.s: Agora o MdM tem página no Facebook, não esqueçam de curti-la ali do ladinho, tá? ;)




Bons Sonhos

52 weeks of polaroid: cinco meses sem posts

6 de novembro de 2013

Pelo título vocês devem ter uma ideia do que eu vou falar aqui, certo? E como não quero enrolar, vou direto ao ponto. Por motivos de preguiça, de desanimo e mais algumas outras coisas, eu deixei de fazer os posts mensais sobre o meu projeto 52 weeks. Mas agora eu consegui reorganizar tudo, então vocês podem ir lá na minha página do Flickr, que vai estar tudo atualizado - ou seja, os meses de setembro e outubro. O de novembro eu logo arrumo, mas só uma foto está atrasada, ainda tenho tempo.
Bom, eu vou deixar aqui miniaturas das fotos dos meses que não postei aqui: junho, julho, agosto, setembro e outubro. Para vê-las completinhas é só clicar no link que você irá para o Flickr, combinado? ;)

Desculpem o desânimo, espero que ainda gostem de ver minha humildes fotos. 

Junho

Cenas musicais de filmes não musicais

30 de outubro de 2013

Quase que esse mês eu não posto nada, mas assim, foi por um dia, hahaha. Mas em cima do laço, estou aqui para meio que responder uma tag (?). Bem, é que essa "tag" eu vi no Doces Rodopios da Tary, mas ela respondeu há mais de um ano; só que foi esses dias que eu estava assistindo a um vídeo com músicas de filmes, fui anotando e lembrei do post da Tary e resolvi fazer um aqui também. Pode? 
Vou seguir a regra, que já está especificada no título, que não podem ser filmes musicais. Escolhi com carinho cenas que me fazem lembrar muito quando era mais nova - criança até -, e momentos em que eu não estava pensando em mais nada, só me divertindo com esses filmes ótimos; dando risada, tentando cantar junto algumas músicas e ficando com vontade de dançar em outras. Os filmes são recomendadíssimos, tem pra todos os gostos, então é só dar o play e cantar - e dançar - junto. Let's go!



10 things I hate about you - Can't take my eyes off you

Não julgue o livro pela capa (do filme)! #2

13 de setembro de 2013

Não sei se vocês lembram, mas eu fiz esse outro post falando do mesmo assunto, que não gosto de capas de livros com a capa do filme e tal. Bom, como exitem muito mais filmes baseados/adaptados de livros, achei que seria legal escrever mais um post sobre isso. 
Desta vez não vou fazer um discurso, já que o outro post explica tudo. Neste texto só mostro as capas que não acho bonitas comparando com a original, uma exceção de capa de filme que prefiro à original e falar um pouquinho sobre tudo isso. =P


Na estante: A Menina que Roubava Livros

3 de setembro de 2013

Com o lançamento do filme de A Menina que Roubava Livros pensei que poderia escrever algo, então me lembrei que há três anos eu tive minha experiência magnífica com essa história e escrevi uma pequena "resenha" contando um pouco sobre o livro. Resolvi republicá-la para incentivar quem ainda não leu , que tome coragem e leia antes do filme, porque vocês não vão se arrepender. Eu ainda não o reli, mas o farei em breve; estou empolgada para revisitar uma das minha histórias preferidas. :)
Então, vamos falar sobre o livro.

Music to monday #13

5 de agosto de 2013

Categoria que vem e vai, mas tá sempre por aqui. Como podem ver eu não tenho postado muito e ao contrário do que eu sempre digo, que é bloqueio criativo e tal, eu descobri que às vezes não quero compartilhar muitas coisas; mesmo que não sejam pessoais nem íntimas, tem tempos que só queremos ficar quietinhos no nosso canto. É assim que ando me sentindo.
Mas aí eu estava escutando música esses dias - Coldplay para ser mais sincera, que fazia um bom tempo que não ouvia - e pensei que dessa vez eu poderia mostrar o que eu estou escutando, porque eu gosto de recomendar coisas (livros, filmes e músicas). \o\

Pois bem, nessa categoria normalmente posto apenas um vídeo de uma música que me marcou, seja no final de semana ou mesmo na segunda logo que acordei, porém como eu disse, eu estava escutando Coldplay depois de um tempo sem ouvi-los e imaginei que poderia recomendar esse EP que eu gosto tanto deles. Prospekt's March é um EP com oito músicas que não foram para o Viva la Vida, mas nem por isso deixam de ser ótimas. Tem algumas músicas que, claro, não são marcantes, mas no mínimo são bonitinhas e gostosas de ouvir. Minhas preferidas são: Life in Thechnicolor ii, Glass of Water e Lovers in Japan (Osaka Sun Mix). Essa última está no VlV, mas com uma música "dentro dela" chamada Reign of Love, então prefiro essa versão do EP. 

É isso que tenho ouvido essa semana passada e começo dessa. Se não curtem muito Coldplay, deem uma chance para esse EP, é bem legal, e se gostam, aproveitem! ;)






Bons Sonhos

No meu peito não cabem pássaros (apenas o mundo inteiro)

20 de julho de 2013

No meu peito cabem vontades. Cabem ideias, cabem sonhos. Mas é lá onde eles nascem, crescem e, às vezes, morrem. No meu peito cabem luzes de Natal, chocolates de Páscoa, e também borboletas e ventos sulistas. Nesse meu pequeno peito cabem corações, porque ele não é um só, pois meu amor se divide em milhões quando eu me apaixono pela vida. Nele cabem, também, expiração e inspiração. 
No meu peito só não cabem pássaros, porque eles voam depressa demais, contra o vento. Eles querem sair e bicam, ferindo algumas vontades que eu abracei.
No meu peito não cabem pássaros, nem asas; elas ficam em outro lugar, onde eu posso coloca-las nas costas e fingir que sou um anjo a voar. 
No meu peito cabem vivencias, experiências. Mas não cabem pardais nem rouxinóis. No meu peito cabem vinhos e noites frias, mas não cabem andorinhas nem cotovias.
No meu grande peito cabem todas as alegrias do mundo, minhas e de quem merece ser feliz de verdade. Mas não cabem águias nem falcões, pois rapinas são fatais e podem rasgar rapidamente meu peito e de lá sairão todas as coisas importantes para mim.
No meu peito só não cabem pássaros, porém o mundo cabe nele, com suas cores e delírios; com suas nuvens e as chuvas, que carregam minhas tristezas para longe de mim.



Bons Sonhos

Cine: O Solista (The Soloist, 2009)

24 de junho de 2013

Steve Lopez estava atrás de uma matéria para sua coluna, quando encontra Nathaniel tocando seu violino, de apenas duas cordas, em frente à um monumento de Ludwig Van Beethoven. Não obstante em escrever sobre o morador de rua estranho, que toca divinamente violino, o jornalista decide que ele será sua história.

No filme dirigido por Joe Wright (mesmo diretor de Orgulho e Preconceito e Desejo e Reparação - dois filmes ótimos, por sinal) nos é contada a história verídica de Steve Lopez,  jornalista dinâmico do Los Angeles Times, na tentativa de ajudar o sem-teto, gênio da música, Nathaniel A. Ayers.
Mesmo depois de conseguir o que quer, Lopez se compadece - mesmo que não demonstre isso - da situação de Nathaniel, e numa busca incessante o jornalista começa a tomar como obrigação sua ajudar o pobre músico.

Não sei, só sei que sou assim

14 de junho de 2013

É lá ali no perfil do blog, mais especificamente no Quem? que vocês leem sobre mim. Porém, se vocês notarem bem não falo como sou, só falo dos meus gostos, que definem uma pequena parte do que sou, mas não é nem metade do que faz parte de mim. Por que será? É porque para mim é difícil falar, de verdade, quem sou, pois não é fácil admitir defeitos, e eu tenho vários. Aliás, tenho um problema: vejo problemas em tudo o que eu faço. Mas pode-se dizer que isso seja um pouco de perfeccionismo, não querer expor meus defeitos. Como se, inconscientemente, eu não quisesse revelar nada sobre mim, e quando escrevo consigo burlar o modo de descrição e acabo nem mostrando como realmente sou.

Summary 52 weeks of polaroid: maio

29 de maio de 2013

Este post está levemente atrasado, mas as fotos estão todas lá no Flickr, bonitinhas, ok? 
Bom, Maio foi um mês fácil, apesar de atrasar um pouquinho deu tudo certo - na verdade, todo o projeto tem dado bem certo e fico felicíssima com isso :D -, e gostei praticamente de todas elas. 

Vou confessar que o meu autorretrato, a foto da semana #19, eu tirei com o celular. Eu ainda não tenho muitos recursos de como tirar um autorretrato sem tremer ou ficar sem foco, então resolvi tirar com o celular para facilitar a minha vida. E como nota-se a diferença de resolução depois que você se acostuma com resolução de câmera, hein? Hehehe. 

                                                                         #21 week: The end of a saga...

25 de maio - Dia da Toalha

25 de maio de 2013

O Dia da Toalha surgiu quando fãs de Douglas Adams tiveram a ideia de homenageá-lo de alguma forma pelas obras maravilhosas, composta por cinco livros, sobre as aventuras intergalácticas de Artur Dent. Como o autor dedica quase um capítulo inteiro sobre a importância da toalha para viajantes da galáxia, resolveu-se que esse seria o tema da comemoração. No dia 25 de maio de 2001 foi a primeira vez que fizeram homenagem a ele, então ficou como a data do evento. Fãs andam com sua toalhas para lá e para cá, usando-as de diversas maneiras, é simples, mas uma homenagem legal, se você for pensar.

Yue Sakimichan, digital art

21 de maio de 2013

Yue Wang, aka Sakimichan, é uma artista de arte digital canadense (ou radicada ou descendente de chineses, não se sabe) de 20 anos de idade. O que Sakimichan faz é incrível. Ela tem uma sensibilidade e delicadeza nas suas artes que chega a ser tão impressionante, à sua própria maneira.

Suas obras tem referências diretas a animações, jogos, fantasia, e até filmes e quadrinhos. Uma mistura de fantasia com tecnologia também pode ser vista em algumas das obras. Mas ela coloca uma feminilidade em seus traços que é impossível não ficar impressionado.

Aqui apenas algumas das maravilhosas obras dessa artista, que apesar de meio anônima, é tão talentosa e singular.

Summary 52 weeks of polaroid: abril

10 de maio de 2013

Acho que não tem muita desculpa, mas essas últimas semanas eu me confundi toda com as fotos. Acho que foi porque eu atrasei uma semana num mês, talvez em Março e outra/outras agora em Abril. E como dá pra ver lá no post de summary do mês passado, faltou a foto da semana #9, mas agora já foi. :P

O importante é que eu estou conseguindo fazer o projeto, meio atrapalhada, mas estou. E esse mês não foi diferente, as fotos saíram como eu queria, e até tive ideias legais. Aproveitei eventos e acontecimentos para expandir a criatividade e tirar fotografias legais, espero que elas agradem. :)

                                                          #17 week: Eventos Nerds #2

Na estante: As Vantagens de ser invisível

17 de abril de 2013

Esse é um dos livros mais lidos e comentados desde o ano passado, e não é pra menos: ele é bom demais! Não apenas bom, mas lindo, dolorido e verdadeiro. Como verdadeiro entenda que não necessariamente a vida de Charlie poderia ser a vida de qualquer um, mas não é uma coisa incomum, então é algo verdadeiro e próximo da nossa realidade.

O filme no qual eu moraria

5 de abril de 2013

Quando a Tary fez esse post (que eu adorei, por sinal) eu fiquei tentando, também, pensar em que filme eu moraria. E digo que não foi fácil, apesar de ser meio óbvio. 
Eu pensei em morar em Antes do Amanhecer – ou mesmo Antes do Por do Sol – mas detestaria ter que me despedir. Pensei em morar em Educação, e apesar de querer ser muito a Jenny não gostaria de ser enganada. E lá pelas tantas eu até pensei em morar em A Viagem de Chihiro, contrariando o impossível e ser um desenho, só que mesmo parecendo perfeito, eu resolvi achar um filme onde eu pudesse ser alguém de carne e osso.

Summary 52 weeks of polaroid: março

30 de março de 2013

Chegou mais um fim de mês e volto aqui com o post mensal mostrando as quatro semanas de fotos do 52 weeks! E essa última semana é um pouquinho mais especial, por conta do feriado de Páscoa! A foto atrasou por conta disso, acabei não conseguindo posta-la ontem, mas agora tudo certo. ;)

Eu adoro chocolate, mas não tenho o costume de comer tanto. E como os ovos de chocolate são absurdos de caros, aqui em casa não compramos mais. Aí eu resolvi tirar foto de algo que representasse "realmente" a Páscoa, e aí está o Perninha com um ovo de verdade, ahahahaha. Não consegui montar algo diferente por faltarem alguns materiais, mas acho que a foto ficou no clima, não é?

                                                                                     #13 week: Feliz Páscoa         

Inspiração: fotos do céu

26 de março de 2013

Minha foto (sem edição). Eu amei!
Eu amo o céu. Simples assim. Quando ele não está nublado pode-se ver várias nuances nele e é lindo fotografá-lo. Eu já arrisquei tirar algumas fotos do céu visto aqui do meu apartamento, mas é um pouco complicado porque minha sacada tem rede de proteção e isso atrapalha um pouquinho na hora de fotografar, mas dá para dar um jeito. 

Eu trouxe fotos de vários tipos e de vários lugares. Tem foto do Flickr, de Instagram, de Tumblr. Porque o negócio é mostrar o quanto o céu pode ser lindo de qualquer olhar e lugar. Há também fotos minhas (como essa do topo), algumas nem mesmo foram para o Flickr, mas estão aí para quem quiser ver.
É pra se inspirar e depois sair por aí fotografando o seu céu. ;)

Assim, me atrevo a escrever

12 de março de 2013

Eu sei, não sou jornalista, não sou escritora, não fiz nenhum curso relacionado à escrita, mas desde pequena, gosto de inventar histórias e colocá-las no papel. Desses papéis, nenhum sobrou. Joguei todos fora, por pura vergonha e medo de que nada estivesse bom. E foi assim que continuei escrevendo: várias páginas escritas, a maioria jogada fora; arquivos de Word digitados, poucos restando e sendo publicados.

A beautiful day with U2

28 de fevereiro de 2013

Título infame, meio brega, mas adoro colocar título de música de referência numa frase, hahaha. E como o título sugere esse post é sobre uma das bandas que mais admiro e amo ouvir nesse mundo!
Na verdade, eu não vou falar da banda em si, porque eu acho que necessitaria de um tempo e um post bem maior para isso. Além disso, eu sou fã recente - desde 2000 -, não acho que tenho porte para falar de coisa sobre a banda, sendo que tem muita gente que é fanático, enfim... Eu vim falar de clipes (coisa que sempre adorei falar/analisar das minhas bandas preferidas).

Summary 52 weeks of polaroid: fevereiro

22 de fevereiro de 2013

Terminando mais um mês estou aqui com o post para mostrar as 4 fotos do mês de Fevereiro do projeto. Gostei das fotos desse mês, apesar de uma ou outra eu fazer meio correndo, até deram certo e fiz tudo a tempo, e ficaram bonitas, né? Eu achei que ficaram bem legais. ^.^

Sempre começando pela a última do mês, nesse caso a #8 week.

Na estante: O Jardim Secreto

20 de fevereiro de 2013

Primeiramente queria dizer que este post era para ter sido feito mês passado. Esse livro foi um dos primeiros lidos esse ano, então estou um mês atrasada, mas tudo bem, consegui fazer a resenha agora, hehehe. Segundo, é que eu resolvi intitular os posts de livros resenhados com "Na estante", espero que não fique muito esquisito. E terceiro, eu provavelmente não farei resenha de todos os livros que ler, justamente por ter atrasado esta resenha, mas o que importa e que vou voltar a escrever sobre livros, certo? Ah, e eu coloquei uma aba de leituras, porque eu estou mais dedicada às minhas leituras esse ano e quis compartilhar aqui. ^.^
Então, vamos a resenha.

Minha estante virtual

10 de fevereiro de 2013

Como vocês bem sabem, eu a-do-ro um meme. E fui indicada para mais um, pela Jun do blog Kuroneko, obrigada por lembrar de mim, guria! :D
O meme consiste em responder 15 perguntinhas sobre a linda rede social de livros, Skoob. O Skoob é umas das melhores redes sociais que existe! Porque além de encontrar gente com gostos parecidos com o seus, você marca tudo sobre livros lá, e controla melhor suas leituras, aquisições etc. Amo demais ler, então gosto de brincar lá. As perguntas são bem básicas, mas mostram estatísticas de seus hábitos literários. Bem legal. ^.^

Um pouco sobre o blog...no blog!

1 de fevereiro de 2013

Fiquei descaradamente pedindo que as pessoas me indicassem para memes, que a fofa da Lua acabou por me indicar, pelo Twitter. =P
Fazia algum tempo que não participava de nenhum meme, e esse é realmente curioso, já que são perguntas sobre nossos blogs. Gostei de responder. 

Como escolheu o nome do blog?
Eu pensei em algo que combinasse comigo e com o que eu queria escrever aqui. Me inspirei em Morfeu (ou Sonho), o personagem mais conhecido do Neil Gaiman. Ele é o senhor do Sonhar, então imaginei que o meu blog poderia ser o Mundo de Morfeu, um lugar onde eu escrevo sobre tudo o que eu sonho e gosto.

Music to monday #11

28 de janeiro de 2013

Hoje está frio e chovendo. Em janeiro resolveu esfriar, quero só ver se vai sobrar frio para o inverno, mas enfim. Mas sabe aqueles dias que você acorda sem muito ânimo, mesmo com esse tempo gostoso (eu pelo menos adoro friozinho)? Pois é, hoje estava assim, mas aí eu resolvi ouvir um pouco de música, porque já fazia uns dias que não abria o iTunes no computador, aí decidi que hoje seria um bom dia para ouvir música à tarde - e não só na hora de dormir, como tenho feito.

Aí fiquei remexendo e colocando algumas músicas, de artistas variados, pensando no que eu podia deixar rolando... E não teve jeito: Florence + the Machine ganhou, de novo!
Estou escolhendo aleatoriamente as músicas, mas é o álbum Ceremonials inteiro. Então deixarei três das músicas, das minhas preferidas, que ouvi esta tarde para que vocês também cantem junto - nem que seja dublando, como eu estou fazendo, hahaha.
São ótimas músicas, recomendo fortemente. :)

I'm gonna leave my body
Moving up to higher ground
I'm gonna lose my mind
But history keeps pulling me down


Say my name
And every colour illuminates
We are shining
And we will never be afraid again


Lay me down
Let the only sound
Be the overflow
Pockets full of stones

Lay me down
Let the only sound
Be the overflow




Bons Sonhos

Summary 52 weeks of polaroid: janeiro

25 de janeiro de 2013

Olá pessoal! No post anterior eu falei que iria colocar as atualizações do projeto aqui no blog também, mas vou fazer de um jeitinho diferente: ao invés de postar a foto toda a semana, eu só colocarei lá no Flickr e divulgarei no Twitter e Facebook. Aí, no final de cada mês eu faço um summary  - ou apanhado, sumário; como preferirem - das fotos, postando-as aqui. Certo? Ficou bom assim? Qualquer coisa comentem o post, tá? :)

Aqui estão as quatro fotos desse mês começando pela última, ou seja, a dessa semana. Os links para as fotos no Flickr estarão na legenda. 


8 coisas da ficção que eu gostaria de ter

17 de janeiro de 2013

Sabe quando você fica pensando em ter aquele objeto ou talento de algum personagem de filmes, livros, desenhos e tudo o mais? Pois é disso que eu vou falar. Estava pensando em algumas coisas que eu gostaria de ter, juntei as oito que eu achei mais difíceis de se conseguir e vou explicar o porquê de eu querer-las.

E pensa só, se são coisas de histórias de ficção e fantasia, é bem provável que elas não existam (na verdade não existem), sendo assim o querer possuir fica mais divertido. Pode até ser que alguma nem seja útil, mas só o fato de tê-las na imaginação, já é inteiramente fascinante.

A new project beggining...

11 de janeiro de 2013

Olá, gente! Como prometido, esse ano farei o projeto 52 weeks, mais "leve" e possível de fazer do que o 365 project. Então, eu apresento para vocês o meu 52 weeks of polaroid. Sim, as fotos serão em formatos polaroid, as quais eu edito com um programinha muito legal chamado Poladroid. Mas por que eu escolhi fazer em formato de polaroid? Porque achei bonito; dá um ar vintage e retrô à foto. E pra quem não sabe, eu gosto dessas coisas, apesar de não parecer ou não ter comentado muito, antes. Também me inspirei no 365 project que a Luado Petite Luanafez em 2011. Eu realmente adorei o projeto dela e decidi fazer o meu assim, esse ano. Espero que ela não se importe, hehehe. Além disso, é uma maneira divertida e, até, criativa de mostrar a fotografia. 

Dia Nacional do Fotógrafo

8 de janeiro de 2013

Sei que não sou fotógrafa profissional ainda, mas quando a gente faz alguma coisa com amor pode considerar ser aquilo que tanto almeja. Então, já me sinto um pouco fotógrafa, embora seja aprendiz: sou uma fotógrafa amadora, hehehe. 
No entanto queria desejar Feliz Dia da Fotografia e do Fotógrafo para todos que gostam dessa bela arte. Independente se são profissionais ou não, ou por hobby. Como eu já disse, se faz por paixão, você merece ter esse reconhecimento. :)



Bons Sonhos

Na estante: Paris versus New York

7 de janeiro de 2013

Você deve ter visto algo do livro circulando pela internet, isso porque Paris versus New York foi criado, primeiramente como blog. Vahran Muratyan é designer e artista plástico. Nasceu em Paris, por conta da família que vivia a viajar e instalou-se na França. Apesar de ter nascido lá, a Cidade Luz continua a surpreendê-lo, segundo o próprio autor do livro. Com 5 anos foi pela primeira vez a New York; depois, quando adolescente, voltou e teve uma experiência ainda mais sensorial. Andando no metrô novaiorquino ele percebe as atitudes e coisas cotidianas; anotando tudo que lhe vinha em mente. Lembrando de Paris, e assistindo a rotina na Grande Maçã, Muratyan criou o blog Paris versus New York, a tally of two cities.

Cine: Apenas uma vez (Once, 2006)

6 de janeiro de 2013

Demorei seis anos para assistir esse filme, que eu já tinha ouvido falar que era bom, que as músicas eram bonitas... Todos estavam certos! O filme independente mais lindo de todos os tempos, com canções maravilhosas, me tocou. Logo que comecei a assisti-lo notei que a câmera era diferente e a fotografia também, mas os preconceitos foram quebrados depois de cinco minutos. Me apaixonei pela estética simples e a câmera tremida - e às vezes sem foco.

Eu o havia esquecido no passar dos anos, mas ano passado eu achei o DVD algumas vezes para comprar; burramente não tive coragem de levá-lo, porque podia não gostar e tal - merecia um tapa na cara. Porém, contudo, todavia, de férias na casa da mama, ela acabou por me lembrar que queria muio assistir e na mesma hora demos play no Netflix. Me derreti, hehehe.

Eu e a fotografia

3 de janeiro de 2013

Não sei explicar, ao certo, como peguei gosto pela fotografia. Sei que um dia me peguei pensando que eu queria muito ter olhos fotográficos, para tirar foto de tudo que eu visse que me inspirasse, tudo que eu achava bonito; para conseguir tirar fotos como as que eu via em sites, em Flickrs alheios, e até no famoso We Heart It - onde há fotos sem créditos, infelizmente... Só que eu não pensava em procurar as coisas para me tornar uma fotógrafa, isso sim, não me passava pela cabeça, ainda. Achava que não tinha muito jeito com nada, pra falar a verdade, imagina fotografar.

CopyRight © | Theme Designed By Hello Manhattan